Em 2022, 70% da população mundial está ligada por dispositivos móveis Deixe um comentário

Num relatório em que tece algumas previsões para o mercado de dispositivos móveis, até 2022, a Forrester prevê que a penetração dos smartphones na população mundial ultrapasse os 50% já este ano

A Forrester prevê que o número global de subscritores de smartphones totalize os 3.8 mil milhões em 2020. Mais de 50% da população mundial terá um smartphone, já em 2017, percentagem que em 2020 deverá ser de 66%. Trata-se de um aumento de 21% desde 2013.    

A Forrester estima que o número de subscritores únicos de dispositivos móveis ultrapasse os 5.5 mil milhões em 2022, quase o dobro do registado em 2008. A maioria dos novos subscritores são oriundos da Ásia/Pacífico e da América Latina, à medida que os dispositivos low cost  emergem. Em 2022, cerca de 70% da população mundial estará ligada por dispositivos móveis.

A América do Norte e a Europa permanecem as regiões com a maior penetração de subscritores de dispositivos móveis.

Do lado dos sistemas operativos, Android e iOS detêm, juntos, 94% do mercado: 74% para o Android e 21% para o iOS. A Forrester diz que o aumento dos smartphones Android low-cost na China permitirá ao sistema operativo manter a liderança. O Windows Phone tem 4% de quota de mercado.

Quanto aos tablets, as vendas continuam a cair, em grande parte porque os smartphones com grandes ecrãs estão a “canibalizar” (a expressão é da própria Forrester) estes dispositivos. Em 2016, as vendas mundiais de tablets caíram 15.2%, com a Forrester a prever que a base instalada diminua 1.1% ao ano até 2022.

As vendas dos tablets destinados ao consumo continuarão a cair a um taxa anual de 3.3%, ao passo que os tablets para o mercado empresarial crescerão 6.9% até 2022, impulsionados pelos dispositivos destacáveis. A base instalada de tablets para o mercado empresarial aumentará de 100 millões em 2016 para 155 milhões em 2022.

Fonte: https://www.itchannel.pt

Deixe uma resposta